Se você quer melhorar a sua escrita científica, aqui é o seu lugar.

Junte-se a mais de 5.000 estudantes e pesquisadores e receba atualizações, artigos, dicas e vídeos que vão elevar o seu patamar de uma forma prática e com ótima qualidade (é grátis)!

Início

O que é Referencial Teórico do TCC?

SUMÁRIO
    Add a header to begin generating the table of contents

    Muitos estudantes questionam o que é Referencial Teórico do TCC, sendo que o objetivo deste texto é esclarecer o significado e o porquê da sua importância para o desenvolvimento da pesquisa científica.

    O referencial teórico consiste na estrutura da sua pesquisa acadêmica, pois permite que se verifique a base utilizada para a organização das ideias defendidas em seu TCC ou dissertação de mestrado, por exemplo.

    Diante do exposto, vejamos algumas especificidades sobre referencial teórico para que você possa contruí-lo da forma adequada em seu TCC, dissertação de mestrado ou tese de doutorado. Assim, primeiramente, analisaremos a diferença entre referencial conceitual e referencial teórico.

    1. O que é Referencial Conceitual?

    Antes de falarmos de referencial teórico, é fundamental compreender o que é referencial conceitual e construí-lo antes de iniciarmos o estudo para a definição do referencial teórico.

    Neste sentido, primeiramente, é preciso mencionar que o referencial conceitual é pautado em três elementos: a) justificativa; b) explicação e c) problema-chave e questões-chave.

    Assim, o referencial conceitual consiste na apresentação científica, por meio de narração ou de gráficos, relativa ao material estudado que justifica a importância da sua pesquisa, explica quem e o que será estudado e fundamenta a escolha do problema e das questões-chave da pesquisa científica.

    Diante do exposto, é necessário analisarmos cada um dos elementos que integram a definição do referencial conceitual.

    1.1. Justificativa

    A justificativa refere-se à análise acerca da importância do tema estudado, da metodologia e dos métodos adequados a serem empregados para o levantamento bibliográfico e para a coleta de dados.

    Desse modo, ao selecionar o tema e delimitá-lo, você deverá buscar um embasamento teórico que justifique a importância de seu estudo e qual é a melhor metodologia para o tratamento da temática de sua pesquisa.

    Como outros pesquisadores enfrentaram o tema que você pesquisará, é importante analisar a maneira como eles explicam a importância da pesquisa, ou seja, como eles justificam o trabalho científico desenvolvido por eles. Dessa maneira, você compreenderá as diversas aplicabilidades de seu estudo, modificando o tratamento que você dará ao tema escolhido.

    Além disso, outros autores apontam a metodologia adequada para a pesquisa sobre determinado tema. Se você ainda é um jovem pesquisador, é preciso analisar como foi realizado o design da pesquisa conduzidas por vários estudiosos para que você verifique qual é a melhor maneira de realizar o seu trabalho acadêmico.

    Apenas pesquisadores mais experientes conseguem propor um novo método de abordagem do tema. Assim, caso você esteja realizando um TCC ou uma dissertação de mestrado, analise a metodologia escolhida pelos principais autores que pesquisaram sobre o tema escolhido para o seu trabalho acadêmico.

    1.2. Explicação

    A explicação do referencial conceitual é concernente à exposição acerca de quem e do que será estudado em sua pesquisa.

    Assim, na explicação, será analisada a conexão entre fatos, variáveis e ideias de outros doutrinadores para apresentar quem será estudado e qual será o objeto de pesquisa.

    Neste elemento do referencial conceitual, você mencionará os autores que formam o arcabouço teórico para explicar o que será estudado. Assim, você mencionará os estudos que pautarão a sua pesquisa, permitindo com que o (a) leitor(a) compreenda o caminho percorrido para a construção de seu pensamento.

    É importante destacar que a explicação, embora semelhante, não se confunde com o referencial teórico como demonstraremos a seguir.

    1.3. Problema-chave e questões-chave

    O último elemento de construção do referencial teórico é relativo à escolha do problema e das questões-chave. Neste momento, você mencionará como interpretará, coletará, analisará os dados, permitindo o enfrentamento do problema e das questões-chave.

    Diante do exposto, você apresentará os textos utilizados para a formulação do problema-chave de sua pesquisa. É necessário explicar a maneira como você conseguiu identificar o problema-chave que necessita ser enfrentado para contribuir com o debate acadêmico sobre o tema.

    Além disso, é importante mencionar a fonte utilizada para a identificação das questões-chave. Por conseguinte, você deverá demonstrar como você interpretará e analisará os dados coletados e a bibliografia estudada.

    2. Fontes de elaboração do Referencial Conceitual

    Após falarmos sobre os elementos necessários para o desenvolvimento do referencial conceitual, é importante mencionarmos as fontes de elaboração do referencial conceitual.

    As principais fontes para a construção do referencial conceitual são:

    • Experiência do(a) autor(a) da pesquisa;
    • Literatura analisada;
    • Teoria selecionada (Referencial Teórico).

    Diante do exposto, vejamos cada uma das fontes empregadas para a elaboração do referencial conceitual.

    2.1. Experiência

    A experiência do(a) autor(a) facilita a escolha do tema e permite que sejam pensados alguns temas de pesquisa científica. No entanto, apenas a experiência não basta para o desenvolvimento de seu trabalho acadêmico, pois é necessário analisar o trabalho de outros autores para verificar se há um debate acadêmico sobre o tema, se ainda não há uma solução para o problema identificado, verificar outras perspectivas de enfrentamento do problema etc.

    Consequentemente, a revisão da literatura pode permitir que você mude a sua visão sobre o problema-chave, logo, essa fonte do referencial conceitual não é suficiente.

    2.2. Literatura analisada

    A revisão da literatura é essencial para a construção do referencial conceitual, uma vez que permite a compreensão do tema pesquisado de forma mais aprofundada.

    Assim, são analisados os trabalhos científicos sobre o tema selecionado para a sua pesquisa, viabilizando a melhor delimitação de seu tema de pesquisa.

    Diante do exposto, pode-se mencionar que a experiência pode indicar o tema, mas a revisão da literatura viabiliza a escolha da abordagem a ser fornecida para o tratamento da temática da sua pesquisa.

    2.3. Teoria Selecionada

    Após a revisão da literatura, será possível construir o referencial teórico, selecionando as teorias que serão utilizadas para desenvolver uma nova teoria, ou para descrever a teoria atual sobre determinado assunto ou para testar a teoria em um caso concreto.

    Desse modo, o referencial teórico será empregado para os seguintes propósitos:

    1. Desenvolvimento de uma nova teoria;
    2. Descrição da teoria (e tendência) contemporânea;
    3. Condução de testes da teoria selecionada.

    Por conseguinte, pode-se observar que o referencial teórico é uma das fontes do referencial conceitual, configurando-se como algo mais específico, pois consiste no conjunto de teorias empregadas para o desenvolvimento de suas reflexões.

    3. Passo a Passo para a construção do Referencial Teórico

    foto representando o que é Referencial Teórico

    O referencial teórico é uma das fontes do referencial conceitual, sendo que deve se configurar como o arcabouço teórico empregado para sustentar a argumentação defendida em sua pesquisa científica.

    Assim, torna-se relevante apresentar o passo a passo para a determinação do referencial teórico em sua pesquisa:

    1. Identificar as diversas categorias existentes em que as teorias estão inseridas. Por exemplo: você deseja estudar democracia, logo, há categorias em que se inserem as diversas teorias sobre democracia: instrumentos de democracia; democracia na era digital; totalitarismo e riscos à democracia; democracia como comunicação etc.
    2. Dentro das categorias, é necessário identificar as teorias que integram estas categorias, analisando a origem da teoria, as teorias que foram elaboradas após a apresentação da teoria principal e as hipóteses defendidas em cada teoria;
    3. Selecionar a teoria que será empregada para alcançar o objetivo de sua pesquisa científica. Além disso, é necessário analisar as teorias que foram desenvolvidas a partir da teoria selecionada;
    4. Esclarecer como a sua pesquisa contribuirá para o desenvolvimento do debate científico decorrente da teoria selecionada (você desenvolverá uma nova teoria, descreverá como as teorias decorrentes da teoria principal relacionam-se ou testará a teoria selecionada).

    A partir destes passos, você poderá descrever em seu projeto de pesquisa e no seu trabalho acadêmico o referencial teórico escolhido. Lembre-se de que o referencial teórico não é qualquer bibliografia utilizada na sua pesquisa, mas se refere à teoria selecionada para que a sua pesquisa gere alguma contribuição.

    4. Conclusões

    O nosso artigo buscou esclarecer o que é referencial conceitual e teórico. Além disso, o nosso objetivo foi relativo a apresentar a maneira como o referencial conceitual se relaciona com o teórico.

    Por fim, nós buscamos apresentar o passo a passo para a elaboração do referencial teórico, já que é uma dificuldade para a maior parte dos estudantes.

    5. Recomendação bibliográfica

    BURKHOLDER, G.J.; COX, K.A.; CRAWFORD, L.M.; HITCHCOCK, J.H.. Research Design and Methods: An Applied Guide for the Scholar-Practitioner. Newcastle: SAGE, 2019.

    Comentários

    Autores

    Plataforma Monografia Perfeita®

    Prof. Dra. Cristina Godoy

    Profa. Dra. Cristina Godoy

    Direito USP

    IMG_Rafael_meira_silva_transparente

    Prof. Dr. Rafael Meira

    Gestor Codex Data®